Dominio: saudemedicina.com
Chave: 4f41bbe26cb2150d3399d6abc90ed5833fd644bd
Hora do cache: 1469320217
Vida do cache: 1470544416
Status: 1
Mensagem: Licença válida
Chave do Pedido: f9bc4ed353b966a60e9e5f09397305f5e150c0ad
Chave do Produto: PROKEY
Scroll Top

URETRITE | Sintomas, Tratamento e Causas

Uretrite

Uretrite é um nome dado a uma série de complicações infecciosas que promovem a inflamação da uretra. A inflamação pode ser, por exemplo, do tipo gonocócica ou do tipo não gonocócica. Neste artigo vamos falar um pouco a respeito da uretrite considerando os seguintes tópicos:

 

  • O que é uretrite;
  • Como se adquire;
  • Quais são os sintomas;
  • Como é feito o diagnóstico;
  • Como é o tratamento;
  • Como prevenir.

 

O que é uretrite?

Esta é uma inflamação que acomete a mucosa que reveste a uretra em seu interior. A uretra é uma espécie de tubo que liga a bexiga ao exterior do corpo humano. É através dela que a urina é expelida.  Por servir de ligação entre o interior e o exterior do corpo humano, esta região costuma estar muito vulnerável a infecções.

uretrite sintomasDiversos microrganismos podem acabar penetrando no corpo através da uretra. Na grande maioria das vezes estes adentram através de relação sexuais com pessoas infectadas ou, até mesmo, devido a maus hábitos de higiene. Dependendo do tipo de microrganismo que está gerando a complicação local esta doença recebe um nome diferente. Pode ser uma uretrite gonocócica como uma uretrite não gonocócica. Quando o fator desencadeante não é sexual, a uretrite recebe ainda o nome de uretrite inespecífica.

A primeira é causada pela bactéria que dá origem à gonorreia ou blenorragia. Já a segunda pode ser uma inflamação decorrente da presença de qualquer microrganismo, seja este um vírus, um fungo, bactéria ou protozoário, por exemplo. Ambas são transmitidas sexualmente. O terceiro tipo pode ter diversas causas, como veremos logo abaixo.

 

Como se adquire?

As uretrites gonocócicas e não gonocócicas são adquiridas através de relações sexuais com pessoas infectadas e do não uso de camisinha. Já as do tipo inespecíficas podem ter diversas causas como traumas, automedicações, uso prolongado de anticoncepcionais, maus hábitos de higiene, infecções em outras regiões e até mesmo serem decorrente de cirurgias ou de exames.

 

Quais são os sintomas?

Alguns dias logo após o contágio certos sintomas tendem a aparecer. Geralmente, leva-se 2 semanas para que o paciente note que algo está errado. Em uretrite gonocócicas pode haver uma maior demora na manifestação dos sintomas.

Ardor ao urinar é uma das reclamações mais frequentes. Vermelhidão e secreções também podem ser algo recorrente, entretanto, estas características variam bastante de acordo com o agente presente na região afetada. Dor durante as relações sexuais          e dor ao ejacular também são sintomas comuns. Em certos casos podem ocorrer quadros de febre e de mal estar.

 

Como é feito o diagnóstico?

Apesar da variação de fatores desencadeantes de uma uretrite, as queixas costumam ser bem características. Desta forma, diante do histórico do paciente e de uma análise clínica, algumas suspeitas podem ser levantadas. A cor e a aparência das secreções podem ajudar na detecção da causa da uretrite. Exames laboratoriais da urina e das secreções ajudam na certeza do diagnóstico.

As uretrites, quando não tratadas, podem causar sérios problemas de saúde como estreitamento da uretra e infertilidade, por exemplo. Desta forma, após o diagnóstico, deve-se dar início imediato ao tratamento adequado.

uretrite

 

Como é o tratamento?

Dependendo do agente gerador da uretrite, medicamentos variados serão prescritos pelo médico. Antibióticos, abstinência sexual e amenizadores de sintoma serão indicados. Quando o tratamento é feito de forma correta o prognóstico costuma ser bastante satisfatório. Portanto, diante de quaisquer sintomas, não hesite em procurar por um médico para dar início ao tratamento adequado o quanto antes.

 

Como prevenir?

Utilizar preservativos em todas as suas relações sexuais e limitar o número de parceiros é extremamente indicado. Muitas infecções também podem ser causadas devido a maus hábitos de higiene, portanto, seque bem seu corpo após o banho, não compartilhe toalhas e roupas íntimas, não tome banho de banheira em locais como motéis e não passe o papel higiênico do ânus em direção à vagina.

Procure utilizar roupas de algodão e não usar calças muito justas. Além disto, manter uma alimentação saudável é algo fundamental na prevenção desta e de muitas outras complicações, pois um organismo forte está melhor protegido de agressões. Consulte regularmente um médico e realize exames de rotina para um bom monitoramento de sua saúde. Diversas complicações, quando previamente detectadas, costumam resultar em tratamentos satisfatórios.

8 Comentários

  1. Gostaria de sabe. Como..faz o.tratamento.da.uretrite

  2. Nilson Vieira de barros disse:

    Olá. Boa noite já estou em.tratamento a 5 meses mas não passa o sintoma da uritrite gostaria de saber como fazer o tratamento?

  3. Gustavo Fernandes disse:

    Boa tarde, o meu Pai tem 91 anos, está relativamente bem de saúde, e bastante activo, no entanto apareceu-lhe recentemente uma espécie de corrimento esbranquiçado logo antes da urina, quase parece esperma.
    Alguém me pode esclarecer um pouco sobre este assunto?
    Obrigado.

  4. Gladis Guerra disse:

    Dr. À 8 anos sofro com os sintomas da uretrite, já fiz todos exames possíveis que o SUS cobre, e nunca acusou iflamacão. E não tenho urgência urinária. Os sintomas comessaram depois que fiquei sentada por 2hs em lugar muito quente. Agora, não posso mais me esfriar da cintura para baixo, uso tres meias, 2 a 3 calças, não posso sentar em lugares frios ou usar sandália que tenho que correr para cama me esquentar com bolsa de água quente, tenho 56 anos e ainda estou na menopausa e não tenho relações sexuais à 12 anos. Dr. por favor, não aguento mais ! Me ajude eu vivo na cama!

  5. Marina disse:

    Eu estou com a clara sensação de que estou com o problema! Informações muito interessantes…

  6. Waldielly farias disse:

    Mto bom…

  7. Nildinei Aparecida Pires Batista Dias disse:

    Boa noite, sou estudante de educação física. Gostei muito do conteúdo. gostaria de saber se vocês tem mapas ilustrativos do corpo humano. Obrigada. Nil Dias

  8. Paulo Batalha disse:

    ÓTIMO ESCALRECIMENTO…GOSTEI..

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.