Ortorexia

Você está em: Saúde, Doenças e Medicina > Bem Estar > Doenças > Ortorexia

O que é ortorexia?

É um transtorno relacionado à alimentação que foi recentemente diagnosticado. A ortorexia pode ser definida como uma obsessão por uma alimentação extremamente saudável. Diferentemente da anorexia ou da bulimia, pessoas que sofrem com ortorexia se dão ao direito de comer, no entanto, elas são tão obcecadas com a qualidade do que comem que a maioria dos pensamentos se volta a isto.

Somente alimentos saudáveis e de boa qualidade nutricional entram na dieta de um indivíduo com ortorexia. As calorias, os nutrientes, as vitaminas, tudo é milimetricamente pensado, calculado e considerado. O foco da pessoa se torna a comida e ela pensa nisto e na sua dieta grande parte do dia.

Embora as preocupações com a alimentação sejam definitivamente necessárias, todo comportamento obsessivo é prejudicial. Quando os alimentos saudáveis se tornam uma preocupação excessiva muitos problemas são capazes de vir em decorrência. É preciso ficar atento a este tipo de comportamento, pois os efeitos podem ser bastante prejudiciais.

Pessoas com ortorexia acabam se privando de fazer uma série de coisas. Muitas vezes se isolam para que nada as faça sair das regras e da dieta restritiva. A capacidade de raciocínio e de trabalho pode ficar consideravelmente prejudicada, assim como a de desenvolver diferentes atividades.

ortorexia - transtorno alimentar

 

Sintomas

Por se tratar de um comportamento obsessivo, é fundamental que pais e amigos fiquem atentos aos hábitos de uma pessoa com ortorexia. Além disto, ela emite sinais visíveis da condição, os quais precisam ser levados em consideração para um correto diagnóstico. Pessoas com ortorexia frequentemente demonstram:

  • Preocupação excessiva com alimentos e com suas qualidades nutricionais;
  • Ter uma dieta restritiva;
  • Perda rápida de peso e de gordura;
  • Excessiva preocupação com o que comeu ou com o que vai comer;
  • Incapacidade de comer algo que não foi preparado por ela mesma;
  • Curiosidade em saber as composições de cada alimento e como eles foram feito.

Apesar de parecer algo não muito relevante, a ortorexia necessita sim de atenção e os indivíduos doentes precisam de ajuda. É fundamental investigar pais, filhos, parentes e amigos que possam ter algum ou mais hábitos deste tipo.

 

Tratamento

Assim como outros transtornos alimentares, a ortorexia necessita ser tratada. Geralmente o histórico de vida do paciente é levado em conta durante o diagnóstico. Exames físicos e de sangue também podem ajudar neste sentido.

Diante dos sinais um médico deve ser consultado. Dependendo da gravidade da situação e da idade do paciente umas ou outras medidas podem ser tomadas.  As linhas de ajuda são variadas e costumam ser bastante eficiente. Na grande maioria das vezes um indivíduo com ortorexia consegue levar uma vida normal.

A doença ainda não é muito conhecida e diversas pessoas podem sofrer dela sem saber ao certo. Portanto, é fundamental consultar um médico sempre que algo estranho estiver acontecendo. Com a intervenção de um profissional e através de sessões com psicólogos uma pessoa com ortorexia pode começar a melhorar. Não deixe de levar a sério os sinais emitidos pelo seu corpo, pois sua saúde pode estar em jogo.

Tags: , , ,

0 Comentários

Deixe o seu comentário!