Você está em: Saúde, Doenças e Medicina > Doenças > DIABETES

DIABETES

Diabetes

A diabetes é uma doença caracterizada pela deficiência na produção e/ou pela deficiência na ação da insulina. Atualmente é encarada como um problema de saúde pública visto o enorme número de brasileiros que apresentam o transtorno. Neste artigo vamos falar um pouco a respeito da diabetes considerando os seguintes tópicos:

 

  • O que é diabetes;
  • Como se adquire;
  • Quais são os sintomas;
  • Como é feito o diagnóstico;
  • Como é o tratamento.

 

O que é diabetes?

diabetesA diabetes é uma deficiência na produção da insulina e/ou uma deficiência em sua absorção. A insulina é um hormônio muito importante produzido pelo pâncreas. A principal função da insulina é quebrar as moléculas de glicose e com isto liberar energia para todas as outras células.

[ Dados Diabetes no Brasil ]

Quando ocorre a ausência ou mesmo a deficiência na produção e/ou absorção de insulina, não somente a quebra da glicose fica comprometida como também a sua transformação em outras substâncias necessárias como músculos, gordura e proteínas.

A diabetes gera, portanto, o aumento do nível de glicose no sangue, já que esta molécula não é quebrada. A diabetes apresenta algumas formas clínicas:

 

  • Diabetes Mellitus tipo II: ocorre uma resistência por parte das células com relação à absorção da insulina.
  • Diabetes Mellitus de outros tipos: está relacionada a desordens genéticas, uso de drogas, doenças pancreáticas e outras patologias.

 

Como se adquire?

São várias as causas que podem acabar levando uma pessoa a desenvolver diabetes. No caso do Diabetes Mellitus tipo I, por exemplo, a causa principal é algum tipo de doença auto-imune que destrói as células beta do pâncreas, responsáveis pela produção de insulina.

Já no Diabetes Mellitus tipo II podem estar ocorrendo diversos mecanismos de defesa com relação à ação da insulina. Um dos principais mecanismos de defesa é a obesidade. Outras formas de diabetes podem ter relação com alguma lesão no pâncreas como devido ao uso de drogas, de medicamentos ou devido a alguma infecção.

 

Quais são os sintomas?

Os sintomas da diabetes tem relação com o aumento da glicemia. A situação destes sintomas pode ir agravando progressivamente. Os sintomas mais comuns são:

  • aumento da sede;
  • muita vontade de urinar;
  • aumento do volume da urina;
  • Emagrecimento;
  • Visão confusa;
  • Impotência sexual;
  • Algumas feridas nos membros inferiores;
  • Fadiga e fraqueza;
  • Aumento da fome;
  • Tonturas.

 

Como é feito o diagnóstico?

Quando o paciente apresenta estes sintomas descritos acima e outros sinais bem conhecidos da diabetes, logo o diagnóstico é feito pelo médico. Para ter certeza que é um caso de diabetes, o médico indica um exame laboratorial do Diabetes Mellitus no qual será medida a quantidade de glicemia no soro ou no plasma do paciente após um jejum de cerca 8 a 12 horas.

Como muitas pessoas acabam por descobrir tardiamente a doença, quando danos irreversíveis já são visíveis, recomenda-se muito a toda a população que se realize exames de rotina para um diagnóstico precoce da diabetes. Fatores hereditários, hipertensão, obesidade, estresse emocional, altos níveis de colesterol no sangue e pessoas com mais de 40 anos de idade são alguns dos casos nos quais se deve tomar mais atenção.

 

Como é o tratamento?

alimentação diabetes dietaNo caso do Diabetes Mellitus do tipo I é necessário o uso de insulina por via injetável no organismo, já que o pâncreas não mais produz o hormônio. Caso o paciente deixe de injetar a insulina podem ocorrer distúrbios que colocam a vida em risco. Já o Diabetes Mellitus do tipo II pode ser controlado apenas com medicamentos via oral. Em todos os casos de diabetes é necessária a realização de uma dieta alimentar equilibrada para o devido controle da glicose no sangue. A atividade física também é de extrema importância, pois esta ajuda a diminuir os níveis de glicose no organismo.

O controle da pressão arterial, uma boa alimentação, a prática de exercícios e o não uso de medicamentos que possam agredir o pâncreas, como cortisonas, por exemplo, são medidas indicadas para as pessoas que já possuem um histórico de diabetes na família.

Tags: , , , , ,

3 Comentários

  1. marilene alves de lima andrade disse:

    meu fillho tem 9 anos e esta com 58 k; e sempre que faz o examen de glecemia da 100 quaisn os riscos

Deixe o seu comentário!