Você está em: Saúde, Doenças e Medicina > Doenças > ASCARIDÍASE | Causas, Sintomas e Tratamento

ASCARIDÍASE | Causas, Sintomas e Tratamento

O que é ascaridíase?

Doença parasitária causada por um verme popularmente chamado de lombriga. Algumas vezes estes vermes podem viver por muito tempo dentro do indivíduo sem que qualquer sintoma se manifeste, porém quando estes estão em grande número as complicações são sintomáticas.

Esta verminose intestinal é provocada pelo Ascaris lumbricoides. É mais recorrente em locais com saneamento básico ruim ou ausente. Maus hábitos de higiene e de alimentação são os fatores responsáveis por esta ser uma das doenças parasitárias mais disseminadas em todo o mundo. O homem é considerado o único reservatório de tal e a contaminação se faz através da ingestão de ovos do parasita.

A fêmea do Ascaris lumbricoides consegue, em um local propício, produzir até mesmo cerca de 200 mil ovos por dia. Parte destes ovos é eliminada através das fezes do hospedeiro. Quando outra pessoa entra em contato com estes ovos, seja devido a alimentos, água ou solo contaminado, por exemplo, dá-se início a um novo ciclo evolutivo.

Os ovos ingeridos caem no intestino. As larvas se soltam e rompem a parede deste órgão, em direção à circulação sanguínea. Percorrem um caminho pelo fígado, passando também pelo coração e pelos pulmões. Após atingirem várias partes do sistema respiratório, estas migram para o tubo digestivo. Lá evoluem para a forma adulta e, no período certo, reproduzem-se. Dando origem a novos ovos que serão liberados pelas fezes.

ascaridiase sintomas

 

 

Agente causador

O verme Ascaris lumbricoides é quem provoca a ascaridíase. Quando uma pessoa já contaminada lança ovos deste parasita na água, no solo ou em alimentos, estes permanecem lá até que entrem em contato com outro homem. Os ovos, quando em outro organismo, seguem o ciclo evolutivo conforme mencionado acima.

Uma mesma pessoa pode estar com até mesmo 600 destes parasitas em seu interior. O comprimento destes varia bastante, ficando em média entre 15 a 40 cm. Os machos costumam ser menores do que as fêmeas e possuem a cauda enrolada no final. A reprodução é sexuada e ambos possuem cor branca amarela, de aspecto brilhante e liso.

 

Como se descobre a doença (diagnóstico)

ascaridiaseDiante dos sintomas muitas pessoas recorrem a um médico para a realização de exames. Por ter característica assintomática em certos casos, algumas pessoas podem passar anos contaminadas sem saberem da existência dos parasitas. Por este motivo é muito importante que todos consultem um médico frequentemente e realizem exames de rotina, para um bom monitoramento da saúde.

Através de um exame simples como o de fezes, por exemplo, pode-se ter o correto diagnóstico da doença. Ovos serão encontrados e deve-se dar início imediato ao tratamento. A ascaridíase é muito comum de se desenvolver e é mais frequente em países do Terceiro Mundo. Nestes locais o cuidado deve ser, portanto, ainda maior. Exames periódicos e cuidados com a higiene e a alimentação são muito indicados.

Dependendo do local em que estão, as larvas vão gerando complicações diferentes no organismo. Quando se encontram nos pulmões a irritação local gera sintomas em específicos que serão listados abaixo. Já quando estão no tubo digestivo as complicações são outras e também serão mencionadas abaixo. Cada verme adulto pode viver por cerca de 1 ano dentro de uma mesma pessoa.

 

Sintomas

Dependendo do local em que estão, as larvas vão gerando complicações diferentes no organismo. Por apresentar um ciclo pulmonar, esta doença gera sintomas bastante característicos com os de infecções pulmonares. No final do ciclo evolutivo, ao chegarem ao intestino, estas estão em fase adulta e provocam outros sintomas. Podemos destacar complicações como:

  • Dificuldade respiratória;
  • Náuseas;
  • Vômitos;
  • Tosse seca;
  • Febre;
  • Dor abdominal;
  • Diarreia;
  • Falta de apetite;
  • Flatulência;
  • Obstrução intestinal, quando o número de vermes é grande.

 

Em algumas pessoas pode ocorrer de nenhum sintoma ser detectado. Em crianças, caso a contaminação seja excessiva, há até mesmo o perigo de morte. Deve-se, portanto, estar sempre atento a quaisquer sinais que o corpo possa estar enviando e realizar exames de rotina sempre que possível.

 

Prevenção

A ascaridíase pode ser prevenida através de simples medidas de saneamento básico. Lavar sempre muito bem alimentos em água corrente, beber somente água filtrada ou fervida e lavar as mãos após ir ao banheiro também auxilia na prevenção desta doença.

lombrigaHigiene pessoal é fundamental, assim como evitar ingerir alimentos crus ou mal cozidos. Como é bastante frequente em locais com saneamento básico precário, as populações destas regiões devem realizar exames periódicos, principalmente em zonas com clima subtropical ou tropical.

Não é indicado fazer uso de fezes como adubo. Este é um dos principais motivos de proliferação da doença. O cuidado com crianças deve ser dobrado, pois estas costumam brincar no solo e colocar as mãos sujas na boca, além de ainda não terem noções de higiene desenvolvidas.

Pessoas que foram diagnosticadas com ascaridíase devem seguir corretamente o tratamento para que não venham a contaminar outros indivíduos. Diante de quaisquer sintomas deve-se procurar imediatamente por um médico especialista.

 

Tratamento

Esta doença é tratada principalmente através do uso de medicamentos. Remédios em específico para a ascaridíase serão recomendados pelo médico, todos estes via oral. Desta forma será realizado um esforço para erradicar a larva do organismo.

Além do tratamento com remédios, a pessoa deve estabelecer bons hábitos de higiene e de alimentação, para que não ocorra uma nova contaminação. Muitos dos sintomas também precisam ser tratados com o uso de medicamentos. É indicado que todas as pessoas consultem regularmente um médico e realizem exames de rotina. Somente desta forma é que doenças podem ser diagnosticadas previamente e, com isto, receber o tratamento adequado o quanto antes. Muitas doenças quando previamente diagnosticadas não deixam se quer nenhuma sequela.

Crianças com ascaridíase devem receber o tratamento adequado e também a ajuda dos pais. Estas ainda não sabem ao certo como ter bons hábitos de higiene e, portanto, uma nova contaminação pode facilmente acontecer. Quando o tratamento for feito da maneira correta o prognóstico é bom. Não deixe de ir em busca de ajuda quando seu corpo emitir sinais. O cuidado com a saúde é fundamental e deve estar sempre em primeiro lugar.

Tags: , , , ,

14 Comentários

  1. mariana disse:

    podia ter tam bem por quais tipos de vermes é causada

  2. Emanuela disse:

    Eu A-M-E-I muito bom

  3. gostei desse site me ajudou muito

  4. jotae disse:

    Agora sim ja fui em uns mil site e nao achei.Ta de parabens o criador desse site

  5. lorayne disse:

    esse sim fui em 3 e nao achei
    agora posso fasse

  6. RAYANE GOSTOSA disse:

    ESTE TEXTO [É BOM ELE ME AJUDOU MUITO A FAZER MEU TRABALHO

  7. Joana disse:

    Amei esse site minha filha ta com todos estes sitomas o medico ja passou albedazol doses unica ela nao fico boa

  8. gerusa lopes disse:

    Muito bom esse estudo !A cada dia temos que saber como nos prevenir dos parasitas. bjus!

  9. Tony manuel wilsson disse:

    É imprescindivel ficarmos informados sobre as parasitoses, visto que são um dos factores que compromete a saude publica.

  10. evely disse:

    me ajudou muito a fazer o meu trabalho

  11. Eu disse:

    eu achei importatnte e tbm me ajudou a fazer meu trabalho

Deixe o seu comentário!